Política de Privacidad y Cookies

Blog

Antimicrobianos en productos de cuidado personal, ¿por qué aplicar?

Muito se tem falado sobre saúde e bem estar, o que mostra a crescente preocupação da população com qualidade de vida. Cuidado com banheiros públicos, ônibus e outros ambientes compartilhados já se tornou algo trivial. Será que essa preocupação não deveria se estender aos produtos de higiene pessoal?

Mesmo que não sejam compartilhados com outros, produtos como escovas de dentes, escovas de cabelo, e sabonetes estão muito suscetíveis à ação de fungos e bactérias. Devido ao contato direto com o corpo humano, a presença de certos microrganismos pode ser a causa de inúmeras doenças. Além da higienização, uma maneira simples de nos proteger é utilizando produtos com ação antimicrobiana. A nanotecnologia vem ganhando cada vez mais espaço na prevenção de riscos biológicos e na área da saúde. Saiba mais aquí.

Saúde dos cabelos

Além da higienização padrão dos cabelos e do couro cabeludo, é imprescindível a preocupação com a limpeza de sua escova de cabelo. Além dos fios de cabelo, as escovas podem acumular resíduos de produtos, sujeiras e pele morta, o que a torna um ambiente perfeito para a proliferação de microrganismos. Por consequência, pode-se ocasionar doenças no couro cabeludo e também a famosa caspa. Com a tecnologia de aditivos antimicrobianos incorporada em escovas e pentes, a limpeza desses objetos se torna muito mais fácil e higiênica.

Saúde da pele

Uma aplicação já muito conhecida é de agentes bactericidas em sabonetes e desodorantes. As bactérias fazem parte da flora natural de nossa pele, e é impossível que 100% delas sejam eliminadas. Contudo, um excesso de bactérias, ou a presença de microrganismos patogênicos na pele, podem causar doenças como diarreia, cólera, pneumonia, infecção urinária, dermatites, e até intoxicação alimentar.

Alguns sabonetes e desodorantes contam com agentes ativos, porém é importante prestar atenção ao princípio ativo utilizado. Substâncias como o Triclocarban e Triclosan, por exemplo, vem perdendo espaço por apresentar riscos à saúde. No lugar, pode-se procurar por princípios como cloreto de benzalcônio, cloreto de benzetônio, cloroxilenol e prata.

Saúde Bucal

Já se foi comprovado por estudos que a boca humana é a parte do corpo com maior número de germes. Um estudo da revista Microbiome (BBC, 2017) alega que em um beijo de apenas dez segundos, mais de 80 milhões de bactérias são compartilhadas. Para tanto, se reforça a necessidade de manter uma higiene bucal rotineira e bem feita. Todo cuidado nunca é demais, por isso a TNS fomenta a aplicação de aditivos combatentes a microrganismos tanto no cabo das escovas como nas cerdas.

Dessa maneira, ao entrar em contato com qualquer parte da escova de dentes, as bactérias têm sua parede celular destruída, e seus genes são impedidos de se multiplicar. Além de auxiliar no combate às cáries, uma escova com ação antimicrobiana atua combatendo a contaminação cruzada e, consequentemente, doenças como a cólera, gengivite e infecções. (ABCD Brasil, 2017)

A tecnologia bacteriostática das nanopartículas de prata é capaz de ser incorporada em escovas de cabelos e de dentes diretamente no processo produtivo convencional. Além de não apresentar riscos à saúde, essa tecnologia é capaz de promover uma proteção extra ao dia-a-dia.

Baixe o nosso conteúdo aqui: E-book Nanotecnologia em Cosméticos

Saiba mais sobre as tecnologias da TNS, e como nossa equipe trabalha para levar onerar saúde e bem estar em aplicações simples a partir da inovação. Entre em contato com um de nossos consultores.

antimicrobianopara higiene pessoal